terça-feira, 29 de novembro de 2016

Ruki Dark prologo ~ More Blood



Ruki: De fato … …eu… …isso vai ser bom. eu vou lhe dar a melhor disciplina.
Gado, é melhor você se preparar.
Para poupar tempo um conhecido cuidou de sua bagagem
Yui: Eh? Como… …!?
Kou: Haha… …é fácil você sabe… … 
Ruki: ei, Kou. Não diga coisas desnecessárias.
Kou: siiimm. Tudo o que disser.
Yui: … …?
Ruki: siga as regras dessa mansão … … você as quebrou à pouco tempo atrás.
Não terão piedade nem de você eve (eva).

Yui: … … … …
(… …até agora nada mudou… …)
(… …me pergunto o que devo fazer daqui em diante… …)
(acho que todos os sakamakis já devem ter percebido que sumi (ela disse que foi embora, mas assim faz mais sentido)… …)
(talvez, eles vão perceber imediatamente que sua presa desapareceu… …)
(eu… …me pergunto quem é … … Eva? E Adão? Eu não consigo entender… …)

-Monólogo-

Eu sempre tive tudo desde que nasci.

Um bom pai e uma mãe muito bonita.
A água era servida quando eu tossia.
Empregados para me dar cobertores. (???? What)

Eu nasci como a filha de uma casa nobre.
Com amor verdadeiro, não havia nada errado.
Minha vida era um pouco abundante.

Eu estava feliz todos os dias.

Mas olhando para trás agora está tudo arruinado
O caminho em frente.

Só desfrutando do que era dado
Dia pós dia ia me corroendo , e
Lentamente me corrompeu.

-fim do monólogo -flashback

Empregado A: … …Ngh, por favor, eu sinto muito! Ruki-sama… …!

Ruki: Não há motivo para pedir perdão. Primeiro de tudo, confesse a desgraça que cometeu.
Empregado A: a modelo que era muito importante para Ru, Ruki-sama… …foi brutalmente destruída (morta) 
Ruki: O que!? Você não entende! 
*Ruki bate no empregado*

Ruki: e porque você continua Vivo?
Você que cometeu essa desgraça, devo eu, causar a morte para este humilde homem?

Empregado A: Nghhh, me desculpe, deixe me viver… … *tossida forte * !

*Ruki bate no empregado outra vez*

Ruki: não fale, é desagradável.―― ei, pegue isso.

Mordomo: sim.

Ruki: eu devo dar lhe sua punição, empreste-me sua mão. faça-o com honra.

*Ruki chicoteia o empregado *

Empregado A: Nya, Ughh… …!
Ruki-sama me, pe-perdoe… …!

Ruki: não levante sua cara.

*Ruki chicoteia o empregado de novo*

Empregado A: AGHH… …!!

Ruki: Hmph… …o jeito que está se contorcendo, humanos são iguais À gado
Mordomo: Ruki-sama… …já é o suficiente … …

Ruki: Como posso aceitar isso? Quem liga. Esse lixo me desafiou, então por que ele deveria estar aqui.
*Ruki chicoteia o empregado novamente*

Empregado A: AAGHHH… …!

Ruki: Heh… …essa visão não é ruim. Se ajoelhe mais para mim. Rasteje-se em suas mãos e pés.
Sem mim você não tem lugar para dormir nem o que comer, igual ao gado
*Ruki chicoteia o empregado mais uma vez; tela preta*

Ruki: Heheh… … Hahaha!

-Monólogo-

――eu tenho tudo.
Eu pensei que eu tinha.

Foi perdoado, não importa o que eu fazia eu era perdoado , mesmo se eu não tivesse feito nada
Eu sempre tinha pessoas em volta de mim.
Eu pensei que era normal,
Machucando pessoas se consciência do que fazia
Eu não questionava.

A arrogância nunca tinha um fim,
Eu nunca aprendi sozinho.

-fim do monólogo; cena: sala de estar dos mukami-

*som de chicote *

Ruki: Ngh… …!
*respiração forte *… …
… … droga! Um sonho… …
Ngh… …Uugh… … Droga… … Uuugh… … [soa como se ele fosse vomitar :/ ]

-cena: corredor-

Yui: (Essa casa é quieta e espaçosa… …)
(todo mundo da casa sakamaki… …sera que estão bravos por que eu desapareci do nada?)
(Entretanto, eu pensei que seria mais vigiada. Parece que eu posso facilmente sair… …)
(Mas, se eu deixar este lugar,onde eu pretendo voltar?)
(De volta? Pros sakamaki?)
(só para ser tratada como presa, de volta à casa com vampiros… …?)

???: Tgh… … *tossindo *, *sons de luta, se debatendo * *respiração forte*… …
Yui: (… …! alguém… …?)

cena: Banheiro-

Yui: (Ruki-kun?)
Ruki: *respiração pesada *… …
Yui: (Parece ser doloroso… … ele está doente?)
Ruki: … .. Ngghh… …
… … !
Yui: (Uh… …)
Ruki: … …o que você viu?
Yui: Eh… …
Ruki: … …o que está fazendo aqui??
Yui: (… …Ele está irritado? … …?)
Eu ouvi sua voz enquanto passava… …me preocupei porque parecia doloroso. 
Ruki: … …Então você espiou? Tentando ver o que acontecia?... ...
Yui: Eu tinha uma razão para espiar … …
Ruki: … … … …
Yui: Uhm… …
Ruki: … … Você se preocupou? Que piada… …
Yui: Ai … …!
Agh, Oque――!

*Som de “puxar” *
Yui: está doendo!! Meu braço! … …!
Ruki: Você veio bem no começo, piorando meu humor. Gado rude… …
Yui: E-eu só estava preocupada! … …
Ruki: Preocupada … …?
Yui: Uh… …!
(Ele está segurando meu queixo… …!)
Ruki: Se isso acontecer novamente eu vou te matar.
Quando falar comigo,  nunca use o verbo preocupar novamente.
Yui: Po-porque não posso me preocupar … …? (meu deus)
Ruki: Acho que eu disse pra não usar a palavra.
Yui: Uh… …Tão … …
Ruki: Todos os seus cuidados estão em minhas mãos.
Se quisesse te matar… …ja estaria morta.
Agora que está entendido, você imita uma intenção de parecer preocupada, está tentando piorar meu humor??
Yui: Não era a intenção … …!
Ruki: … …Humanos são astutos depois de tudo.
… … Eva.
A existência de um que nós esperávamos, é você… …agora, eu só posso considerar uma piada de mal gosto.
Yui: (Eva de novo... …? Quem na terra é eva?) (nuss)
Ruki: A cara que está em seu rosto é medíocre … …não, é menos que isso.
Yui: (Nya… …!)
Ruki: entretanto, isso é também pelo meu bem. Estou bem relutante com com isso, mas não posso fazer nada … …
Você é minha.

Autora: Sara

Nenhum comentário:

Postar um comentário