sábado, 12 de novembro de 2016

Yuma Maniac 1 ~ More blood


Cena: Jardim
Yui: (Hm. Yuma-kun, onde está você?)
(Yuma-kun me disse que precisava da minha ajuda no jardim... ...)
... ... Yuma-kun poderia estar em qualquer lugar.
(Quero dizer, por que ele quer que eu faça o trabalho agrícola à noite ... ...)
De qualquer forma, não há nada que eu possa fazer, devo achar Yuma-kun.
-Yui anda ao redor-
Yui: Hm, ele não está aqui.
Talvez, aqui ... ...
Oh, é um morango!
Uau, é realmente de dar água na boca!
Haha, tem um aroma doce e azedo, parece ser delicioso.
Yuma-kun realmente plantou um monte de coisas diferentes ... ...
No campo de lá, são aqueles limões azedos... ...
Nesse daqui só existem morangos, mas nada.
Yuma-kun deve realmente amar jardinagem doméstica ... ...
Haha, é surpreendentemente caseiro.
Yuma: O que você está fazendo?
Yui: Kyaa!
-Yui cai-
Yuma: Por que você caiu? Será que a minha voz te assustou?
Yui: V-você me assustou... ...
Yuma: Você é muito medrosa. Eu estava andando normalmente.
Yui: M-mas eu não ouvi quaisquer passos ... ...
Yuma: Tch, então você estava perdida em seus pensamentos .
De você isso é normal. Então, o que você estava pensando?
Yui: Eh? Er ... ...

家庭的だな,てっ → Caseiro (Certa)
大 し た こ と じ ゃ な い よ → Não importa (Errada)

Yui: Eu estava pensando em como deve ser caseiro ... ...
Yuma: Hah? Caseiro, por quê?
Yui: Porque você parece amar o cultivo de hortaliças ... ...
Yuma: Ha? Eu não sei o que dizer. O que é tão "caseiro" sobre o crescimento de vegetais?
Yui: Er... ...
(Eu não posso explicar bem ... ...!)
Yuma: Falando nisso, eu te vi pisando na minha plantação de morangos.
E os meus morangos ... ... estavam a serem esmagados por seus pés sujos.
Como você irá compensar hah?
Yui: Uh!
(Eu não tive a intenção de esmagar os morangos! O que devo fazer!)
M-me desculpa... ...
Yuma: Você acha que um pedido desculpas vai obter os morangos de volta? Hah?
Agh ... ...!

-Tela Vibra-
Yui: Aah!
(Suas mãos estão no meu pescoço ... ... dói ... ...)
Yuma: Haha, seu rosto parece ficar vermelho quando você está com dor ... ...
Yuma: Você vai sentir os mesmos sentimentos que esses morangos.
Yui: Eu não estou respirando... ... Perdoe-me ... ...
Existe algo que eu possa fazer ... ... porque eu vou fazer... ...
Yuma: ... ... Qualquer coisa?
Yui: S-sim. O que você quiser.. ...
Yuma: Qualquer coisa, você diz.
-Yuma solta pescoço da Yui -
Yui: * respira pesadamente * ... ...
S-sim ... ...
Yuma: Bem, você vai se tornar uma sobremesa.
Yui: Eh ... ...?
Yuma: Em vez de meus morangos.
-Tela Vibra-
Yui: Ah !?
Kya!
Yuma: Agora, tire rapidamente a roupa e me dá o seu sangue... ...
-Som de roupa rasgando-
Yui: Ah! Não… …
Yuma: Nem tente escapar!
Você é muito melhor do que esses morangos.
Você vai esperar pacientemente para ser sugada.... ... * Morde * ... ...
Yui: Gah!
Yuma: Ngh ... ... Mn, Haa ... ...
Yui: Aah ... ...
Yuma: Heh, você está com uma boa cara... ... Ngh
Yui: ... ... Agh.
Yuma: Haa ... ... doce ... ... seu açúcar está espirrando nos morangos ... ...
... ... Hm? O que é isso?
Ah, há alguns morangos esmagados em seus pés.
Ei, olha. Por causa de você, eles estão esmagados.
Yui: Oh ... ...
Yuma: Nossa, eu vou cuidar disto... ... *Lambida* ... ...
Yui: (Ah, ele está comendo os morangos esmagados ... ...!)
Yuma: Mn ... ..Ahh, esses morangos são os melhores depois de tudo ... ...
Tão doce e cheio de umidade ... ...
*Suspiro* ... ... Nossa, você realmente esmagou esses doces morangos... ...
Bem, eles ainda são bons, mesmo esmagados... ... *Lambida* ... ...
Yui: Hya!
Yuma: O que. Este morango está preso em você, então eu vou lambê-lo.
Fique quieta, porque eu vou lamber... ...
Yui: Gah.
(M-mas, isso faz cócegas ... ...!)
Yuma: Tah, seu sangue está transbordando nas minhas presas ... ...
*Lambendo* ... ... .Haaa ... ... é bom ... ...
Yui: ... Agh.
Yuma: Isto é ainda melhor ... ... Torna-se mais doce quando os morangos se misturam com o seu sangue.
MNN ... ... um pouco de leite condensado seria bom neste momento.
Está muito doce, mas você está muito deliciosa... ...

Autora: Marina Victoria [Link]

Nenhum comentário:

Postar um comentário